Fechar
Metadados

%0 Conference Proceedings
%4 sid.inpe.br/mtc-m17@80/2007/11.26.13.21
%2 sid.inpe.br/mtc-m17@80/2007/11.26.13.21.49
%A Pereira, Nadiara,
%A Leme, Neusa Paes,
%A Pinheiro, Damaris K.,
%A Schuch, Nelson J.,
%A Bertagnolli, Caroline,
%A Possani, Germano,
%@affiliation Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE)
%@affiliation
%@affiliation Laboratório de Ciências Espaciais de Santa Maria, Universidade Federal de Santa Maria
%T Análise dos efeitos secundários do buraco de ozônio antártico sobre a região central do Rio Grande do sul ocorridos nos Anos de 2004 e 2005 através da análise dos campos de vento
%B Congresso Regional de Iniciação Científica e Tecnológica em Engenharia e X Feira de Protótipos.
%D 2007
%8 29-31 Outubro
%C Passo Fundo, RS
%K ozônio, efeitos secundários, campos de ventos.
%X Dados da coluna total de ozônio dos Espectrofotômetros Brewer MKIV # 081 (1992 - 2000), MKII # 056 (2000 - 2002) e MKIII # 167 (a partir de 2002) vêm sendo monitorados desde 1992 em Santa Maria e após 1995 no Observatório Espacial do Sul do Centro Regional Sul de Pesquisas Espaciais - OES/CRS/CIE/INPE MCT (29,42ºS, 53,87ºO), em São Martinho da Serra, em cooperação com o Laboratório de Ciências Espaciais de Santa Maria - LACESM/CT UFSM, e Laboratório de Ozônio - LO/DGE/CEA/INPE MCT. A partir dos dados de ozônio pode-se perceber que, no período em que o buraco está aberto, há eventos de queda na coluna total de ozônio na região Sul do Brasil em relação às médias mensais, os quais são considerados efeitos secundários do Buraco de Ozônio Antártico. Neste trabalho são feitas análises destes eventos de 2004 e 2005, utilizando-se campos de ventos para acompanhamento da massa de ar antártica.
%@language pt


Fechar